Discutir os fundamentos e as origens históricas dos conceitos de evidências e sua aplicação em Saúde Pública. Apresentar os roteiros de avaliação crítica de estudos em saúde. Introduzir o debate sobre os limites e possibilidades do uso dos desenhos experimentais sobre os objetos complexos como os da Saúde Pública. Introduzir aluno as aplicações dos conceitos de evidências na saúde pública no Brasil e no mundo, e seu papel na promoção das mudanças de práticas. Discutir a especificidade do caso brasileiro. Introduzir o aluno sobre como proceder a atualização das revisões sistemáticas e o uso da Biblioteca Cochrane, da Colaboração Campbell e do Instituto Joanna Briggs. Apresentar e discutir as revisões sistemáticas sobre as práticas efetivas, cotejá-las com a realidade brasileira e discutir as políticas para sua adequação. Discutir os desafios para a implementação de mudanças institucionais, e a metodologia dos estudos sobre a mudança, tomando como estudo de caso a assistência materno-infantil no Brasil.

e-Disciplinas - Ambiente de apoio às disciplinas da USP