Com base nas propostas atuais da semiótica francesa e europeia, esta disciplina propõe a abordagem de novos subsídios teóricos e operacionais para uma reflexão sobre as condições fundamentais de construção do sentido relativas à apresentação de si no discurso e ao efeito de identidade discursiva, assim como a reflexão, com exemplos de descrições concretas, sobre o alcance e os limites da intervenção semiótica nesse domínio.

e-Disciplinas - Ambiente de apoio às disciplinas da USP