A disciplina apresenta princípios de computação gráfica usados em modelagem, animação e síntese de imagens, focando particularmente conceitos voltados para jogos eletrônicos interativos. Neste sentido aborda tanto alguns aspectos de hardware como de software, ilustrando sua integração e questões de desempenho e qualidade. Além disto, apresenta alguns modelos de máquinas usadas para o processamento em tempo real da sequência de procedimentos envolvidos na geração de cenários e personagens, bem como no tratamento em tempo real das interações com o jogador, ou seja, de tudo que ocorre no cenário usado como palco desta aplicação.
Por outro lado a disciplina trata também dos mecanismos de controle e de tomada de decisões utilizados, muitos dos quais se baseiam em conceitos de vida artificial, computação cognitiva, inteligência artificial e sistemas multi-agentes.

Dentre outros podemos relacionar os seguintes tópicos como pertencentes ao escopo desta disciplina:
• Modelagem computadorizada de cenários virtuais 3D e de seus personagens
• Animação computadorizada destes mesmos cenários e personagens
o Simulação física
o Simulação comportamental
o Simulação de vida artificial e cognitiva
o Simulação de inteligência artificial e multi-agentes
• Mecanismos e dispositivos de interação e visualização
o Síntese de imagens 3D
o Processamento de listas de comandos gráficos (“streaming”)
o Unidades de Processamento Gráfico (GPUs)
• Roteiros e narrativas de estórias (“story telling”)

O nível desta disciplina é intermediário, sendo apropriada tanto para alunos de mestrado como de doutorado. É particularmente interessante para aqueles alunos que venham a desenvolver seus trabalhos em jogos eletrônicos, computação visual, meios eletrônicos interativos, vida artificial e computação cognitiva.

e-Disciplinas - Ambiente de apoio às disciplinas da USP