Ajuda com Pesquisar cursos
Compreender o processo de normalização e estruturação semântica dos sistemas de representação e organização da informação;
• Conhecer e utilizar os procedimentos e ferramentas básicas para o tratamento e representação de conteúdos digitais na Web semântica;
• Conhecer e utilizar os procedimentos e ferramentas básicas para a representação e organização de documentos em meios digitais;
• Discutir as vantagens e problemas da utilização de sistemas de representação e organização da informação para a recuperação de informação.

Objetivos específicos:
• Conhecer a evolução das normas de tesauros e, em especial, a norma ISO 25964 – Thesauri and interoperability with other vocabularies, sobre gestão e elaboração de estruturas do conhecimento;
• Conhecer e empregar os campos utilizados para a representação de conteúdo
nos modelos de metadatos para a descrição de documentos digitais;
• Conhecer os formatos empregados em meios digitalis para etiquetar estruturas de conhecimento: RDF (Resource Description Framework) y SKOS (Simple Knowledge Organization System);
• Organizar os conceitos de uma área de conhecimento segundo a norma e etiquetá-los a partir do formato para a gestão de tesauros utilizando o programa TemaTres.
Discussão da especificidade da documentação audiovisual em relação à documentação escrita. Aquisição de uma visão - panorâmica - das possibilidades de organização dos documentos audiovisuais, enfatizando a especificidade da informação neles contida.
Capacitar o aluno no desenvolvimento dos processos de organização da informação, em particular da indexação, para recuperar informação em ambientes eletrônicos.

Discutir o papel da linguagem na organização e disponibilização da informação para a apropriação a partir das contribuições das Ciências da Linguagem. Verificar a relação entre a transferência da informação e a existência de vínculos de significação com os seus públicos. Observar a multiplicidade dos elos de significação segundo a diversidade dos interesses dos públicos que caracteriza a contemporaneidade. Propor meios para contemplar as variações de propósitos e objetivos da circulação da informação.

Partindo de conceitos básicos de teorias de leitura e de produção textual, trabalhar especificamente a leitura documentária, tendo em vista desenvolver habilidades de leitura para fins específicos de operações documentárias.
Introduzir o aluno aos conceitos de classificação e de organização da informação. Discutir o papel da linguagem documentária como instrumento para a descrição e recuperação do conteúdo de documentos enfatizando suas diferenças em relação à linguagem natural. Analisar, do ponto de vista histórico e funcional, as principais características e funções das linguagens documentárias segundo sua tipologia, especificidades e limites de uso, com ênfase nas linguagens pré-coordenadas.
Apresentar aos alunos a natureza e estrutura da pesquisa científica; discutir os fundamentos da pesquisa científica no campo das Ciências Sociais Aplicadas; caracterizar os métodos de investigação usualmente aplicados na área de Ciência da Informação; identificar e discutir contextos de uso e tipos de técnicas de pesquisa; apresentar formas de sistematização e análise de dados; compreender as etapas de desenvolvimento do projeto de pesquisa, visando à formalização do objeto de estudo.
Capacitar o aluno a realizar os processos de análise, síntese e representação como ferramenta intelectual para a elaboração de resumos documentários de forma a possibilitar a disseminação da informação. Conceituação, tipologia e normalização para os resumos documentários.

e-Disciplinas - Ambiente de apoio às disciplinas da USP