Saúde Materno-infantil
Ajuda com Pesquisar cursos

Introduzir aos alunos os conhecimentos antropológicos aplicado à saúde pública, notadamente na compreensão dos processos de adoecimento das coletividades, as formas de percepção desses processos, os sistemas de cura e intervenções terapêuticas tanto oficiais como populares.

Conhecer os aspectos biopsicossociais das fases do curso da vida: gestantes e nutrizes, crianças e adolescentes. Conhecer os aspectos biopsicossociais da saúde da mulher com a interface da gestação e lactação. Conhecer as políticas e programas de atenção integral à saúde para gestantes, nutrizes, crianças e adolescentes. Reconhecer a inserção do nutricionista dentro das políticas e programas.

Conhecer a relação dos indivíduos com seu corpo e com a alimentação. Analisar a representação social do corpo na sociedade contemporânea.

Identificar e compreender: o conceito de gênero aplicado ao campo da saúde; os diferenciais de gênero na assistência à saúde; a sexualidade enquanto dimensão da saúde; o campo da saúde reprodutiva em suas expressões epidemiológicas, assistenciais e educativas. Identificar e compreender os conceitos de raça e etnia aplicados ao campo da saúde; os diferenciais de raça e etnia na assistência à saúde; e a questão do racismo em suas expressões epidemiológicas, assistenciais e educativas

Fornecer subsídios para a formação dos alunos de nutrição para que possam, quando profissionais, compreender, analisar e trabalhar na área de saúde materna.

e-Disciplinas - Ambiente de apoio às disciplinas da USP