Ajuda com Pesquisar cursos

Essa disciplina visa explorar as principais causas, natureza e consequências da Revolução Russa de 1917 bem como vários importantes debates historiográficos sobre a Revolução. Além de uma detalhada investigação dos eventos e desenvolvimentos do próprio período revolucionário – da Revolução de Fevereiro de 1917 até a consolidação de sistema stalinista nos meados da década de 1920 – a primeira parte da disciplina introduzirá aos alunos a natureza do sistema político e econômico czarista, a Revolução de 1905, a formação e trajetória dos vários movimentos e partidos revolucionários e a importância do contexto da Primeira Guerra Mundial. Cada aula consistirá de uma aula expositiva seguida por discussão de fontes primárias e secundárias (os escritos clássicos de políticos revolucionários e fontes visuais sobre a Revolução). A segunda parte da disciplina explorará vários debates historiográficos sobre a Revolução, inclusive as causas da revolução, o papel do partido bolchevique, o papel do individuo e das massas na história, a Guerra Civil, o terror vermelho e a questão das continuidades e descontinuidades do período leninista e stalinista.

Discutir temáticas centrais referentes à história da América Latina no século XX,  
Problematizar as análises do comércio moderno e colonial; 2 - Aprofundar as discussões sobre as relações entre os mercadores e seus agentes ultramarinos; 3 - Apresentar as várias teses sobre como se garantia a confiança e o cumprimento de normas e acordos no comércio de longa distância; 3 - Discutir o termo “redes mercantis,” analisando o papel do estado, da etnia, da religião e da origem geográfica, bem como dos incentivos e penalidades legais, econômicas e sociais; 4- Examinar o impacto da guerra imperial, da política colonial e da intolerância religiosa sobre a organização mercantil.

e-Disciplinas - Ambiente de apoio às disciplinas da USP