O crescente peso econômico, geopolítico e cultural das nações outrora classificadas de periféricas anuncia importantes transformações na ordem internacional e estimulam uma revisão das teorias e ideias que alimentaram os estudos sobre o desenvolvimento destas nações. As teorias do desenvolvimento compõem uma área multidisciplinar e eminentemente vocacionada para os estudos históricos e comparativos. Este curso pretende estimular os alunos a utilizar estas teorias para realizar análises comparativas sistemáticas entre nações e regiões, um tipo de exercício acadêmico ainda relativamente pouco explorado nas ciências sociais no Brasil.

e-Disciplinas - Ambiente de apoio às disciplinas da USP