Dicas de treinamento


(Clique nas palavras em destaque para ver o sinal)

Objetivos:

Compreensão e produção de sinais referentes aos meses do ano, família, horas, pronomes pessoais, possessivos e interrogativos. Treino de e expressões faciais interrogativas, e prosódia. Produção de texto curto.

Prática 5:

Conteúdo em Libras dessa aula: Pronomes interrogativos, Expressões faciais interrogativas, Meses do Ano

  1. Observe a cena entre Diogo e sua mãe. Veja os sinais referentes aos meses do ano. Treine a execução desses sinais. Tente também formar frases curtas usando o glossário.
  2. Observe os pronomes interrogativos QUANDO, ONDE, COMO e QUEM, e as seguintes frases interrogativas QUE HORAS?, QUAL A IDADE? que não são executadas com pronomes interrogativos. Preste atenção nas expressões faciais de Diogo ao executar essas perguntas.


Veja também que a expressão facial usada nessas situações (perguntado onde?, quando?, perguntas do tipo “QU”) é diferente da expressão facial usada para perguntas que pedem respostas do tipo “sim/não”.
Diogo começa fazendo uma pergunta do tipo “sim/não” (03:04), seguindo ele faz uma sequência com uma pergunta do tipo “QU” (03:14) e ”sim/não”(03:15).
Nas perguntas “QU” ele fica com o queixo levantado (e é comum franzir um pouco as sobrancelhas) e nas perguntas “sim/não” ele abaixa um pouco a cabeça e levanta as sobrancelhas.

Treine essas expressões faciais formulando perguntas curtas.

Veja os meses do ano:

Prática 6:

Conteúdo em Libras dessa aula: sinais do campo semântico família, horas, pronomes pessoais e possessivos, prosódia na língua de sinais.

  1. Observe a forma como Maria das Dores e Diogo fazem as horas em Libras. Você conhece os números. Treine a sinalização das horas.
  2. Na cena em que Amanda e Diogo estão no quarto você viu os sinais de familiares e também a realização de pronomes pessoais EU e VOCÊ e dos possessivos MEU e SEU. Treine a execução desses sinais.
  3. Observe no episódio os diferentes registros de “entonação” (prosódia) nos diferentes contextos: a conversa tensa e as vezes irônica entre Diogo e Maria das Dores, a discussão entre Amanda e Diogo sobre o atraso e a reação da professora e o pão? entre Amanda e Diogo sobre família e futuro. Os recursos corporais são amplamente usados. Expressões faciais, postura do corpo, velocidade de realização do sinal e tensão juntos conseguem transmitir informações que nas línguas orais são transmitidas pela “entonação da voz”. Pense sobre esses recursos que podem ser úteis em uma conversa em Libras.

Mais vocabulário:






















Última atualização: segunda, 8 jun 2015, 21:10