Motivação Hoje mais da metade da população global já vive em cidades e, segundo estimativas da ONU, este número chegará a 70% em 2050. Muitos grandes centros urbanos já têm sua infraestrutura deficitária, sendo necessário buscar soluções urgentes para responder de forma adequada às demandas do crescente aumento das populações urbanas. objetivos da disciplina O conceito de cidades inteligentes surge do esforço consciente em usar tecnologias da informação e comunicação para modificar a vida e o trabalho das pessoas nos territórios urbanos de forma significativa, melhorando a vida dos cidadãos que neles habitam. Esta disciplina trata dos diversos componentes de uma cidade inteligente e de como integrar estes componentes objetivando o bem estar da população. Serão tratados especificamente cada um dos temas e, ao final, os mesmos serão abordados conjuntamente com o foco da gestão.

e-Disciplinas - Ambiente de apoio às disciplinas da USP