2.1. Identificar e analisar as interações existentes entre a genética como ciência bem como suas aplicações tecnológicas e questões socioambientais. 2.2. Identificar implicações genéticas (evolução e mutagênese ambiental), ecológicas, sócio-econômicas e culturais das atividades humanas, com ênfase nos impactos da atividade agroindustrial e outros aspectos das sociedades humanas contemporâneas. Ecologia das tecnologias e questões socioambientais. 2.3. Conhecer técnicas para identificação de efeitos genotóxicos de resíduos agroindustriais. 2.4. Conhecer técnicas de genética, especialmente de micro-organismos, relacionadas à pesquisa e otimização de procedimentos de bioprofilaxia e biorremediação de problemas relacionados aos resíduos agroindustriais. 2.5. Conhecer e avaliar as implicações das diferentes abordagens de gestão de resíduos agroindustriais.

e-Disciplinas - Ambiente de apoio às disciplinas da USP