Tendo-se em vista o potencial portuário e a necessidade de obras costeiras nos mais de 8.500 km da costa marítima brasileira, a disciplina visa familiarizar o aluno quanto aos requisitos fundamentais de projeto das obras que compõem os arranjos portuários e as obras portuárias externas e internas, visando a: segurança da navegação, atracação e amarração; movimentação e armazenamento de carga; e requisitos logísticos e ambientais. Dentre estes últimos passou-se a dar especial ênfase às obras mitigatórias com relação às alterações climáticas, no que diz respeito a marés e ondas.

e-Disciplinas - Ambiente de apoio às disciplinas da USP