Contextualizar a Saúde Pública no Brasil e os papéis das atividades físicas no discurso em saúde pública. Reconhecer e refletir sobre os usos e práticas de atividades físicas no campo da saúde pública brasileira. Identificar as iniciativas no campo das Políticas Públicas que subsidiam a implantação de programas e práticas de atividades físicas e práticas corporais no Brasil e no Exterior. Distinguir os conceitos de informação, comunicação e educação e os seus papéis na gestão de programas e práticas de atividades físicas. Reconhecer os campos de ação da Promoção da Saúde como eminentemente interdisciplinar e de atuações multiprofissionais, reconhecendo os papéis dos diferentes profissionais envolvidos. Reconhecer os meios para o conhecimento das populações, grupo de pessoas para a elaboração, implementação, avaliação e gestão de programas de promoção da atividade física para as pessoas, no âmbito da saúde Pública.

e-Disciplinas - Ambiente de apoio às disciplinas da USP