Dicionário de Epidemiologia, Saúde Pública e Zoonoses


Dicionário de Epidemiologia, Saúde Pública e Zoonoses, com as definições dos principais termos utilizados em epidemiologia, saúde pública, saúde animal e zoonoses.

Navegar usando este índice

Especial | A | B | C | D | E | F | G | H | I | J | K | L | M | N | O | P | Q | R | S | T | U | V | W | X | Y | Z | Todos

Página:  1  2  (Próximo)
  Todos

S

SANIDADE ANIMAL

A saúde animal, numa visão ampliada, envolve questões relacionadas a enfermidades dos animais, saúde pública, controle dos riscos em toda a cadeia alimentar, assegurando a oferta de alimentos seguros e bem estar animal.
Para assegurar a saúde animal, é necessária a existência de serviços veterinários bem estruturados, capacitados e aptos para detecção e adoção precoce das medidas de controle e erradicação das doenças.

Fonte: <http://www.agricultura.gov.br/animal/sanidade-animal>

Acessado em 12 de Agosto de 2016


Saprozoonose

Doença naturalmente transmissível entre animais e humanos, em que o agente causador necessita do ambiente para algumas transformações fisiológicas, tendo, portanto, um período de ausência de parasitismo. 



Saúde Pública

Saúde Pública é definida como "arte e ciência de previnir doenças, prolongando a vida e promovendo saúde pelos esforços organizados da sociedade" (Acheson, 1988; WHO). A saúde pública foca tanto na saúde quanto no bem-estar, não só a erradicação de doenças.


fonte: http://www.euro.who.int/en/health-topics/Health-systems/public-health-services


Saúde Única (One Health)

É um conceito fundado na consciência de que a medicina veterinária, humana e a saúde ambiental estão interligadas.. Este conceito representa a condição indissociável entre Saúde Pública e as doenças animais.  A medicina veterinária entra como elo chave, unindo as duas outras áreas e abrangendo aspectos que elas não conseguem atingir.




Fonte: http://portal.cfmv.gov.br/portal/noticia/index/id/4177; http://www.oie.int/for-the-media/editorials/detail/article/one-world-one-health/


Sazonalidade

É a propriedade de um fenômeno considerado periódico (cíclico) repetir-se sempre na mesma estação do ano. Algumas doenças são sujeitas à variação sazonal com aumentos periódicos em determinadas épocas do ano e isto geralmente esta relacionado ao seu modo de transmissão.

Fonte: http://www.cvs.saude.sp.gov.br/pdf/epid_visa.pdf



Sensibilidade

A sensibilidade é a capacidade do teste diagnóstico em questão detectar doença em pacientes doentes, ou seja, a razão entre teste positivos em pacientes doentes e a totalidade dos pacientes doentes (a/a+c). Em outras palavras, reflete o quanto este é eficaz em identificar corretamente, dentre todos os indivíduos avaliados, aqueles que realmente apresentam a característica de interesse.



Fonte: http://widoctor.com.br/testes-diagnosticos/

https://www.portaleducacao.com.br/nutricao/artigos/32812/conceitos-de-sensibilidade-e-especificidade


Sinais clínicos

É aquilo que pode ser percebido por outra pessoa sem o relato ou comunicação do paciente.

São as imagens, os sons e outros dados objetivos que o/a médico/a vê, escuta, ausculta (com o auxílio do estetoscópio) e sente quando realiza o exame físico.

É o termo correto a ser utilizado na medicina veterinária, muitas vezes referido erroneamente como sintoma.


Sinantropia

É a habilidade de certos animais silvestres (mamíferos, aves, insetos) de frequentar habitações humanas; isto é, são capazes de circular entre os ambientes silvestres, rural e urbano, muitas vezes, veiculando patógenos.


http://www.parasitologia.org.br/estudos_glossario_S.php


Sintoma

Condição somática relatada por um indivíduo sofrendo de uma doença (queixa). É subjetivo, sujeito à interpretação do próprio paciente. Em medicina veterinária não temos acesso aos sintomas e sim aos sinais clínicos.


Sistema Nacional de Informação Zoossanitária - SIZ

O SIZ se fundamenta nos dados e informações sobre ocorrência das doenças animais no País, bem como em outras informações de interesse para a saúde animal. Tem como principais objetivos coletar, analisar e divulgar informações zoossanitárias para subsidiar a elaboração, implantação, avaliação e tomada de decisões sobre estratégias e ações de vigilância, prevenção, controle e erradicação de doenças animais de relevância para a pecuária e para a saúde pública; bem como permitir a certificação zoossanitária nacional junto a organizações internacionais e países ou blocos econômicos com os quais o Brasil mantém relações comerciais.

Fonte: <http://www.agricultura.gov.br/animal/sanidade-animal/sistema-informacoes-zoosanitarias>

Acesso em: 12 de Agosto de 2016



Página:  1  2  (Próximo)
  Todos