Aperçu des sections

  • Percepção do paciente sobre a Terapia Nutricional Enteral

    Prezados alunos

    Nos dias 1e 8 de agosto, vocês aplicaram um questionário com os pacientes submetidos à Terapia Nutricional Enteral. Tivemos algumas dificuldades, porque vários pacientes não apresentavam condições de comunicação. Entretanto, foi possível obter importantes informações sobre a percepção do paciente (e as vezes do acompanhante) sobre os procedimentos envolvidos nesta modalidade de terapia nutricional.

    Segue abaixo a estatística descritiva do resultado da aplicação deste questionário.

    Solicito que cada um de vocês interprete os dados apresentados, apontando os pontos positivos e aqueles que precisam de melhorar para que o paciente possa valorizar a terapia nutricional enteral e participar mais ativamente dela. A partir desta análise, vocês podem fazer um breve relatório com a interpretação das respostas tabuladasNão existe um modelo pré-fixado de relatório

    Como não foi possível que vocês respondam no próprio Moodle, peço que entreguem o relatório escrito à Nayla para que ela me entregue. Se puderem fazer isso logo, eu prefiro porque já deixo tudo corrigido e devolvo para vocês no dia da prova. 

    Esse breve relatório vale nota adicional.

    Atenciosamente,

    Selma Freire C. Cunha

    Obs:  Na versão anterior estava escrito: "O relatório pode ser preenchido no próprio Moodle, a partir das respostas tabuladas." Leia: O relatório pronto pode ser anexado no próprio Moodle...."  

  • Síndrome de Realimentação

    ATENÇÃO: OS ARTIGOS FORAM SUBSTITUÍDOS, ASSIM COMO AS QUESTÕES.

    Prezados alunos

    No dia 24 de agosto (turma B) e no dia 28 de setembro (Turma A) haverá uma discussão presencial sobre o importante tema Síndrome de Realimentação na sala 2D do Bloco Didático. A discussão será conduzida pelo Prof Julio Sergio Marchini e pelas nutricionistas pós-graduandas Rayana e Flávia. 

    Para isso, encaminhamos três artigos selecionados para esse tema. 

    A fim de facilitar a leitura e discussão, encaminhamos também as perguntas sobre o tema. 

    Solicitamos que todos leiam os artigos enviados, respondam as perguntas previamente ao horário da aula presencial. 

    Atenciosamente,

    Selma Freire C. Cunha


  • Terapia nutricional enteral no paciente crítico

    Prezados alunos

    No dia 14 de setembro (turma B) e no dia 19 de outubro (Turma A) haverá uma discussão presencial sobre as particularidades da Terapia Nutricional Enteral no Paciente Crítico na sala 2A do Bloco Didático. A discussão será conduzida pelo Prof Julio Sergio Marchini e pelas nutricionistas pós-graduandas Rayana e Flávia. 

    Para isso, encaminhamos os dois artigos selecionados para esse tema. 

    A fim de facilitar a leitura e discussão, encaminhamos também as perguntas sobre o tema. 

    Solicitamos que todos leiam os artigos enviados, respondam as perguntas previamente ao horário da aula presencial. 

    Atenciosamente,

    Selma Freire C. Cunha


  • Orientações sobre preparo dos relatórios de enfermaria e ambulatório

    Orientações sobre o preparo do “RELATÓRIO” de atividades práticas na Disciplina de Terapia Nutricional Enteral.

    I - Para as atividades de enfermarias

    Cada aluno faça o relatório de 1 paciente. Não esqueçam de colocar o seu nome. Sugiro que sigam o roteiro que foi entregue:

    1-      Anotem o dia do atendimento

    2-      Dados do paciente (não coloquem o nome, apenas as iniciais, por questões éticas, mas coloquem o registro e o restante das informações).

    3-      Diagnósticos e motivo da internação.

    4-      Motivo pela qual o paciente está recebendo a nutrição enteral.

    5-      IMC calculado ou estimado, assim como as necessidades de energia e proteína mínimas e máximas.

    6-      Exames laboratoriais: não precisa comentar. Mas informe se função renal estiver alterada.

    7-      Informe se o paciente está recebendo VO e a aceitação aproximada. Há diarreia?

    8-      Entre os valores mínimos e máximos de energia, qual valor seria indicado para este paciente, considerando as condições atuais?

    9-      A prescrição do paciente está de acordo com a sua lógica em relação à dieta prescrita, ao volume e a forma de infusão? Se não, porque?

     

    II - Para as atividades ambulatoriais

    Cada aluno faça o relatório de 1 paciente. Não esqueçam de colocar o seu nome. Sugestão de informações que devem estar contidas no relatório. Não façam na forma de tópicos.

    1-      Dados do paciente (não coloquem o nome, apenas as iniciais, por questões éticas, mas coloquem o registro).

    2-      Diagnósticos clínicos prévios (não confunda diagnóstico com sinais e sintomas).

    3-      Motivo pela qual o paciente está recebendo a nutrição enteral. Há quanto tempo ele recebe nutrição enteral?

    4-      Informe se o paciente está recebendo VO concomitante e a aceitação aproximada.

    5-      Há diarreia ou alteração da função renal?

    6-      O paciente tem sonda transnasal ou gastrostomia?

    7-      Qual a oferta energética que o paciente vinha recebendo pela dieta enteral?

    8-      Há alguma necessidade de alterar a oferta proteica? Se positivo, explique.

    9-      Que tipo de dieta o paciente está recebendo? Industrializada, semi-artesanal ou artesanal?

    10-   Você acha que a família está preparando e administrando corretamente a dieta enteral prescrita anteriormente?

    11-   Qual foi a conduta da equipe?

    12-   A conduta da equipe do ambulatório foi adequada neste caso? Caso negativo, o que você acha que poderia ter sido feito para melhorar a terapia?

    Não usem símbolos, siglas, nomes comerciais de produtos. Quem quiser fazer diferente, fique à vontade. Sugiro que o relatório não ultrapasse uma folha.