Contribuir com a formação do enfermeiro na área de competência do cuidado integral às necessidades individuais e coletivas, assim como na gestão do cuidado de famílias que possam apresentar condições genéticas ou predisposição para tal, tendo como referencial as Competências Essenciais de Enfermagem.